Bancada de MS define 15 emendas prioritárias para serem apresentadas ao orçamento de 2019

Os parlamentares de Mato Grosso do Sul já definiram as emendas que irão apresentar a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019. A bancada sul-mato-grossense, composta de deputados e senadores de MS, deliberou 15 emendas que contemplam as áreas de infraestrutura, saúde, educação, agropecuária e segurança pública.

As indicações seguem as sugestões e demandas apresentadas pelo Governo do Estado, prefeitos e dos próprios parlamentares, sendo apresentadas em comum acordo pela bancada da atual legislatura.

Na avaliação da deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS), reeleita para mais um mandato na Câmara Federal, esta união de esforços é essencial para trazer recursos importantes para o Estado. “Definimos essas prioridades com base no que temos colhido a cada ida nossa nos municípios. São necessidades reais dos gestores municipais que vamos contemplar para que a população seja beneficiada diretamente”, ponderou Tereza Cristina.

As emendas irão atender

As emendas apresentadas pela bancada serão destinadas a equipamentos de saúde para hospitais, recursos para atender à Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros. Na educação foram indicados ônibus escolares para contemplar, especialmente os municípios menores e que dispõem de menos recursos.

Já para atender o município de Campo Grande foram incluídas verbas para recapeamento de vias públicas e obras da Rodoviária. O campo novamente será atendido com maquinários, tratores e equipamentos agrícolas para os pequenos produtores.

O orçamento9 também terá verba para a continuidade das obras da Sul Fronteira, da BR-419, do contorno de Três Lagoas e do Aeroporto de Dourados.

Na área da saúde ainda tem destaque em recursos para custeio, para o Hospital Regional de Dourados, para a Universidade Federal do Mato Grosso do Sul e para a Universidade Federal da Grande Dourados.

A reunião da bancada aconteceu nesta terça-feira (30) no gabinete do senador Waldemir Moka (MDB), coordenador geral da bancada e relator geral da LOA-2019 e contou com a presença dos senadores Moka e Pedro Chaves e dos deputados federais Mandetta, Tereza Cristina, Vander Loubet, Geraldo Rezende, Dagoberto e Fábio Trad. A senadora Simone Tebet mandou representante para a reunião.

Com informações da Assessoria de Comunicação do senador Moka